Cadastra-se para receber notícias
Orçamento 2005

26/10/2004 12:00

Tamanho da fonte

Facilitar o acesso à terra para a juventude rural é uma função estratégica e de competência do Estado. Esta é a opinião do deputado Elvino Bohn Gass (PT) que, com este objetivo, protocolou Emenda ao Orçamento estadual destinando R$ 6 milhões ao setor através do programa Acesso à Terra para Jovens Rurais.

A proposta do parlamentar suplementa em cerca de 1219% os R$ 454,85 mil previstos para o setor no projeto orçamentária enviado ao Legislativo. O valor reservado por Rigotto é visivelmente insuficiente para a demanda e não reflete a importância que deve ser dada à manutenção destes jovens no campo , argumentou o petista, referindo-se aos filhos de agricultores familiares, que têm dificuldades na aquisição do primeiro imóvel rural.

De acordo com Bohn Gass, a Lei nº 11.944 autoriza o Estado a utilizar recursos públicos para a aquisição de terras para a juventude do campo. Nossa emenda objetiva aumentar os investimentos destinados a esta finalidade, completou o deputado. Contudo, o petista propõe que os R$ 6 milhões possam ser também utilizados por Rigotto na equalização de juros, em uma operação que deve acontecer em parceria com o governo federal, através do programa Minha Primeira Terra. O Governo Lula fez a sua parte implementando um programa que auxilia o jovem agricultor na compra da terra. Cabe a nós, a criação de políticas públicas que potencializem a medida federal e cumpram o objetivo maior: apoiar e estimular o jovem agricultor , concluiu.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter