Cadastra-se para receber notícias
Comissão de Agricultura

10/08/2005 12:00

Tamanho da fonte

Cooperativa anunciou nesta quarta-feira (10/8) investimento em Cruz Alta e deputados votam na quinta-feira (11/8) criação do Fundoleite e da planilha de custos.

O anúncio, feito pelo presidente da Cooperativa Central Gaúcha de Laticínios (CCGL) Caio Vianna, nesta quarta-feira (10/8) em Cruz Alta, de que a organização vai instalar uma nova plataforma de industrialização de leite na cidade com capacidade para beneficiar 1 milhão de litros/mês foi, para o deputado Elvino Bohn Gass (PT), presidente da Comissão de Agricultura, Pecuária e Cooperativismo da Assembléia Legislativa, a grande notícia do VIII Fórum da Produção Pecuária-Leite. "Significa que as cooperativas retomarão, depois de muitos anos, o controle da maior fatia da industrialização do leite no Rio Grande. É uma esperança, um alento para os produtores que hoje, novamente, vivem o drama da baixa remuneração", afirma o deputado.

Durante muitos anos, a CCGL foi a maior produtora de leite no Estado e uma das maiores do país. A conhecida marca Elegê, mais tarde vendida para a Avipal, nasceu na cooperativa central. "Com a iniciativa privada dominando a industrialização, os produtores se vêem obrigados a entregar o leite às empresas que, combinadas, estabelecem uma remuneração baixíssima aos agricultores. Com esta ampliação significativa do sistema cooperativo, esta situação tende a mudar," analisa Bohn Gass.

O presidente da Comissão de Agricultura, que foi palestrante do VIII Fórum de Cruz Alta, alertou que a Assembléia Legislativa debaterá nesta quinta-feira, duas outras iniciativas que, se aprovadas, beneficiarão diretamente os produtores de leite. Trata-se do projeto de lei que cria e obriga a divulgação da planilha de custos para o estabelecimento dos preços do leite (como acontece com as passagens de ônibus, por exemplo) e da criação do Fundo Estadual do Leite, que vai financiar diversas ações positivas para o setor. "São duas medidas que devem contar com total apoio da Comissão e eu, quando fui vice-presidente da CPI do Leite, as incluí como sugestões no voto em separado que apresentei à época. Vamos tentar levar as duas iniciativas para a votação em Plenário o mais breve possível" finaliza Bohn Gass.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter