Cadastra-se para receber notícias
Íris Carvalho é a nova Secretária de Juventude do PT/RS

01/11/2011 12:57

Tamanho da fonte

Íris Carvalho é a nova Secretária de Juventude do PT/RS

            Formada em História pela UFSM, Íris Carvalho é a nova Secretária de Juventude do PT gaúcho. Ex-dirigente do DCE da UFSM, Íris trabalha atualmente na Secretaria de Educação do Estado. A eleição foi o ponto alto do 2º Congresso Estadual da Juventude do PT realizado no último final de semana na Câmara de Vereadores de Porto Alegre. A contagem de votos só acabou na madrugada deste domingo. Íris, integrante da Democracia Socialista (DS), teve o apoio das correntes Esquerda Democrática, PT Amplo e Movimento PT e fez 111 votos (59%), vencendo João Farina (Ação Democrática, Unidade na Luta e Novo Grupo) que fez 25% e Roberto Flech (Articulação de Esquerda), que alcançou 15%.

            A vitória foi muito comemorada pelos jovens da DS que há 15 anos não elegiam um nome da corrente para a secretaria. O Congresso da Juventude petista foi prestigiado, entre outros, pelo governador Tarso Genro, pelo presidente estadual do partido, deputado Raul Pont e pela presidenta da Câmara de Vereadores da Capital, Sofia Cavedon.

            Recentemente, o PT incluiu em seu estatuto duas normas inéditas no Brasil, garantindo que as mulheres ocuparão, pelo menos, 50% e os jovens, 20% das direções de todas as instâncias partidárias. Além do mais, o partido orgulha-se de ter levado à presidência da República, a primeira mulher a ocupar o posto mais importante da Nação, Dilma Rousseff.

            Neste embalo, os jovens que fizeram campanha para Íris, diante de sua vitória, cantavam "é feminista, é radical, é a Íris secretária estadual". O slogan da chapa vitoriosa, contudo, era "Sonhos, Lutas e Utopias. Acreditamos Neles!"

            Íris defende a candidatura própria do PT na eleição de Porto Alegre e disse que sua primeira tarefa será estimular os jovens (e AS jovens, ela faz questão de dizer) petistas a oferecer seus nomes nas nominatas majoritárias e proporcionais dos municípios.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter