Cadastra-se para receber notícias
Bohn Gass reúne Embrapa, Fepagro e Emater para fazer do Noroeste um pólo de pesquisa agropecuária

30/11/2011 07:05

Tamanho da fonte

Bohn Gass reúne Embrapa, Fepagro e Emater para fazer do Noroeste um pólo de pesquisa agropecuária

            Transformar uma das áreas de maior produção agrícola do Estado – a região Noroeste – num pólo de pesquisa agropecuária, é um antigo sonho do deputado federal Elvino Bohn Gass (PT), uma necessidade que se impõe diante dos recorrentes prejuízos causados por intempéries e uma oportunidade diante da crescente demanda mundial por combustíveis mais limpos.

            “O seminário que estamos organizando e a que chamamos de ´Articulação da Pesquisa e Extensão Rural para o Desenvolvimento da Região Noroeste´, é o primeiro passo para a realização do sonho de fazermos de nossa região, mais do que uma referência em produção, também um pólo gerador de novos saberes agrícolas”, resume Bohn Gass ao anunciar a mais recente realização de seu mandato de deputado federal.

            A convite de Bohn Gass, o Diretor de Transferência Tecnológica da EMBRAPA (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), Waldir Stumpf Junior, virá ao Rio Grande do Sul especialmente para o seminário. Para a mesma mesa, o deputado chamou o Diretor-Presidente da FEPAGRO (Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária), Danilo Rheinheimer dos Santos e o Presidente da Emater, Lino De David.

            “A ideia é que nossa região se aproprie de todas as linhas de pesquisas que já vêm sendo desenvolvidas pela Embrapa e pela Fepagro para identificar quais são as formas de aplicação na agricultura da região. Queremos, também, oportunizar uma aproximação maior da Emater com estas instituições que usam a ciência em prol da agricultura”, detalha Bohn Gass.

            O próximo passo, segundo o deputado, será a busca a viabilização “de fato” da formação de um pólo de pesquisa na região. “Já temos a reativação da Fepagro em Santa Rosa e sabemos que o Governo Tarso tem vontade de estimular a área de pesquisa. Acredito, então, que o seminário poderá ser o marco inicial de um novo tempo na agricultura dos nossos municípios”, finaliza Bohn Gass.

            O seminário acontece no próximo dia 5 de dezembro, na sede da ACISA, em Santo Ângelo, das 9h às 13h e é aberto às comunidades.

João Manoel de Oliveira – maneco1313@gmail.com – (61) 9303 0591

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter