Cadastra-se para receber notícias
UFFS

31/03/2009 12:00

Tamanho da fonte

Estudantes de Cerro Largo e região vão poder escolher entre sete opções de curso superior na Universidade Federal Fronteira Sul (UFFS). A Comissão de Implantação da Universidade acaba de definir a quantidade de cursos, os turnos e o número de vagas que serão oferecidos nas cinco unidades da instituição, distribuídas entre RS, SC e PR. A informação foi recebida com grande entusiasmo pelo deputado estadual Elvino Bohn Gass (PT), que tem sido um dos mais importantes articuladores da implementação da UFFS nas Missões. "Além de um bom número de vagas, conseguimos trazer para Cerro Largo os cursos mais adequados à vocação agropecuária da nossa região", comemorou.

A Universidade terá 36 cursos no total. Em Cerro Largo, serão oferecidas 330 vagas, sendo 150 para o turno da noite e 180 para o dia. A unidade terá sete cursos: Agronomia com ênfase em Agroecologia (50 vagas/diurno); Desenvolvimento Rural e Gestão Agroindustrial (50 vagas/diurno); Engenharia Ambiental e Energias Renováveis (50 vagas/diurno) e Licenciaturas em Biologia, Física, Química (150 vagas/noturno), Português/Espanhol (50 vagas/noturno).

A definição dos cursos contempla quatro de oito sugestões apresentadas por representantes dos Movimentos Sociais durante reunião técnica da Comissão de Implantação, realizada no último sábado (28). Na ocasião, também foram definidas a designação de 17 professores para Cerro Largo, além de diretrizes básicas para estruturação da UFFS, como o compromisso com o desenvolvimento rural, a democratização do acesso e da permanência do aluno na instituição e a formação humanística do estudante, a partir da fixação de um tronco comum de disciplinas (currículo básico) e de domínio conexo (disciplinas comuns a diversos cursos) e ciclo profissionalizante.

Para garantir o cumprimento destes compromissos, a Universidade terá dois Centros Interdisciplinares de Ensino, Pesquisa e Extensão: um para formação de professores (as); outro para o desenvolvimento rural. "Em breve, nossos jovens vão poder cursar faculdade sem deixar o campo. E o melhor: este conhecimento vai desenvolver a nossa região. É muito gratificante ver que, a muitas mãos, estamos concretizando um antigo sonho da comunidade. Temos muito o que festejar", concluiu.

A previsão é de que a UFFS esteja em pleno funcionamento no primeiro semestre de 2010.

http://www.ptsul.com.br/pdf/cursos_uffs.htm" target="_blank">Confira os cursos, turnos e vagas por campus da UFFS

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter