Cadastra-se para receber notícias
BR 468

28/04/2009 12:00

Tamanho da fonte

Para viabilizar a conclusão da BR 468, no trecho entre Tiradentes do Sul e Porto Soberbo, o deputado Elvino Bohn Gass (PT) e o prefeito de Tiradentes do Sul, João Hickmann (PT), vão reunir-se mais uma vez com a superintendência regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). A audiência acontece no dia 6 de maio próximo, às 10h, na sede do DNIT, em POA. Eles querem informações sobre o andamento do edital para a obra, cuja realização está a cargo de técnicos do Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer). "Estamos tentando agilizar este trâmite para garantir que não se percam os recursos que foram destinados à conclusão BR 468", adiantou o parlamentar, referindo-se aos R$ 6 milhões já empenhados pelo DNIT através de emenda parlamentar da bancada federal gaúcha.

Segundo Bohn Gass, o diretor de Infraestrutura e Transporte do DNIT, Hideraldo Caron, já autorizou o coordenador do Departamento no RS, Vladimir Casa, a preparar o edital para os serviços na BR 468. No entanto - conforme Caron informou a Bohn Gass e Hickmann durante audiência sobre o tema realizada em fevereiro passado - a abertura da licitação e a liberação do dinheiro empenhado dependeriam da assinatura de um convênio entre Estado e DNIT. À época, deputado e prefeito obtiveram do secretário adjunto de Infraestrutura e Logística do RS, Adalberto Silveira Neto, a informação de que o Estado estaria disposto a firmar a parceria. "Vamos saber em que pé está o processo neste momento para pensarmos a melhor forma de ajudarmos a retirar os entraves. Se for preciso, voltaremos a conversar com o governo Yeda. O que não podemos permitir é a perda dos recursos e o abandono daquele trajeto da estrada do jeito que está", concluiu o deputado.

O trecho da BR 468 entre Tiradentes do Sul e Porto Soberbo abrange 6 Km e a conclusão deste está orçada em R$ 11,5 milhões.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter