Cadastra-se para receber notícias
Bohn Gass alerta: prazo para escolas que querem oferecer ensino integral encerra em 15 de fevereiro

31/01/2012 04:34

Tamanho da fonte

Bohn Gass alerta: prazo para escolas que querem oferecer ensino integral encerra em 15 de fevereiro

            Entusiasta do programa Mais Educação, o deputado federal Elvino Bohn Gass (PT/RS) faz um alerta às escolas públicas urbanas e do campo: o prazo para aderirem ao programa do Ministério da Educação (MEC), encerra no próximo dia 15 de fevereiro.  “Somete escolas pré-selecionadas podem aderir neste prazo, mas pela importância deste tipo de serviço, especialmente para as localidades da zona rural, creio que devamos dar a maior divulgação possível ao Mais Educação”, diz o deputado.

            A expectativa do MEC é oferecer educação integral em 30 mil estabelecimentos e atender cinco milhões de estudantes em 2012. Esse número compreende cerca de 3,1 milhões de alunos que já estão no programa e os que vão ingressar neste ano no Mais Educação.  As unidades de ensino que já estavam no programa em 2011 devem informar o número de alunos a serem atendidos e escolher as atividades a serem desenvolvidas. Como a adesão ao Mais Educação é opcional, o MEC pré-selecionou 14,2 mil escolas urbanas e 14,5 mil do campo.

            “Lutei muito para que o MEC abrisse o programa a escolas localizadas em municípios com menos de 50 mil habitantes por entender que, para além das metrópoles onde ele acontecia inicialmente, as zonas rurais também têm necessidade de ensino integral. Seja porque os pais precisam trabalhar na lavoura, seja porque a qualidade do ensino nestes locais precisa ser ampliada”, sintetiza Bohn Gass.

            Dados da secretaria mostram que 3,1 mil novas escolas buscaram acesso ao Sistema de Informações Integradas de Planejamento, Orçamento e Finanças do MEC (Simec) – para fazer o cadastro. Esse procedimento é necessário para a unidade aderir ao programa e receber recursos do governo federal. Para as escolas pré-selecionadas, o acesso ao Simec ocorre por meio de senha, fornecida pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

 

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter