Cadastra-se para receber notícias
Bohn Gass: “MEC libera verbas para equipamentos do curso de eletro-mecânica do IFET Santa Rosa”

05/03/2012 09:00

Tamanho da fonte

Bohn Gass: “MEC libera verbas para equipamentos do curso de eletro-mecânica do IFET Santa Rosa”

            O deputado Elvino Bohn Gass (PT/RS) recebeu do ministro da Educação, Aloízio Mercadante, a informação de que o Governo Federal liberou R$ 1,4 milhão para a compra de equipamentos do curso de Eletro-Mecânica do campus Santa Rosa do Instituto Federal Farroupilha (IFET). “Uma das principais demandas da comunidade regional é a formação de mão-de-obra para o setor metal-mecânico que vem crescendo muito na região. Com esta verba, o curso está totalmente viabilizado no IFET” disse o deputado ao ministro.

            Segundo o Diretor Geral do IFET, Marcelo Eder Lamb, com o dinheiro do Governo Federal estão sendo comprados tornos e laboratórios de metrologia, de desenho mecânico, de usinagem/soldagem, de máquinas elétricas, de materiais e ensaios e de automação. “O desafio, agora, é a construção de um prédio próprio que está orçado em R$ 1,8 milhão. O projeto está pronto e temos a expectativa de que o Governo Dilma garanta, também, a estrutura física uma vez que todo o aporte de equipamentos e os registros já nos foram garantidos”, relatou o diretor.

Para o prefeito de Santa Rosa, Orlando Desconsi, a viabilização do curso de eletro-mecânica fecha, com chave de ouro, um ciclo: "Todos os cursos definidos pela comunidade estarão funcionando no IFET". Quero agradecer o movimento que o deputado Bohn Gass encampou a nosso pedido quando agendou com as lideranças locais e o diretor (do IFET) Caio Rosa, uma reunião em que houve o compromisso de funcionamento do novo curso já no segundo semestre. Em dezembro, fui ao MEC solicitar o aporte e agora já temos o recurso garantido por conta do apoio do ministro Mercadante."

            O curso terá 30 vagas iniciais e a previsão é de que entre em funcionamento já no segundo semestre deste ano. “A direção do IFET vem demonstrando muita competência. O fato de as verbas estarem chegando, em grande medida se deve ao fato de que os projetos apresentados são de muita qualidade técnica, o que facilita a aprovação pelo ministério”, ressaltou Bohn Gass que, esta semana, deve retornar ao MEC para reforçar o pedido de aporte de recursos para o prédio próprio do novo curso.

João Manoel de Oliveira – maneco1313@gmail.com – (61) 9303 0591

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter