Cadastra-se para receber notícias
7 de setembro – FORA TEMER NO BRASIL INTEIRO

09/09/2016 08:12

Tamanho da fonte

7 de setembro – FORA TEMER NO BRASIL INTEIRO

Manifestantes do “Fora, Temer” se juntam ao Grito dos Excluídos nas principais cidades do País

O constrangimento sofrido pelo presidente Michel Temer durante o Desfile de 7 de Setembro em Brasília foi só um sinal do que aconteceria em todo o Brasil nesta data histórica. Em todas as regiões do país, manifestantes realizaram atos e caminhadas para dizer que não aceitam o novo governo golpista. O 7 de Setembro foi, também, o dia do Grito dos Excluídos, ato tradicionalmente realizado desde 1995 por movimentos sociais nesta data.

O site brasileiros.com relatou assim o dia: “Em São Paulo, pede-se a saída do presidente na Avenida Paulista, centro expandido da capital. Gritos de “Fora, Temer”, “Nenhum Direito a Menos” e “Diretas Já” são os mais ouvidos. Eles seguiram em passeata pela Avenida Brigadeiro Luís Antônio em direção ao Parque do Ibirapuera. Ainda na capital, um protesto exclusivamente contra o presidente começou na Catedral da Sé e caminhou até a Avenida Paulista, onde encontrou outros manifestantes e a população que usa a via para lazer nos feriados e fins de semana.

Em Belo Horizonte, Minas Gerais, o ato Fora Temer 7 de Setembro se uniu em passeata ao Grito dos Excluídos às 9h na Praça Raul Soares, centro da capital mineira. Em seguida, teve início uma passeata. Em Juiz de Fora, a 283 km de BH, o protesto começou após a parada cívico-militar da Independência.

Já em Salvador, na Bahia, quem protesta saiu da praça do Campo Grande e parou no teatro Castro Alves para se juntar a outros manifestantes. O plano é chegar à praça Castro Alves, em Campo Grande, em um ato contra o peemedebista.

Depois de gritar contra Temer durante o desfile em Brasília, organizadores do Grito dos Excluídos reclamaram da quantidade estimada pela PM sobre o número de manifestantes. Enquanto os policiais estimam 800 pessoas, os organizadores falam em mais de 5.000 na Esplanada dos Ministérios.

No Rio de Janiro, o Grito dos Excluídos saiu da avenida Presidente Vargas e tomar a direção do Museu do Amanhã, na praça Mauá. A PM acompanha a movimentação com a presença de homens do Batalhão de Choque.

Em Aracaju, Sergipe, manifestantes saíram em passeata da Catedral Metropolitana, onde já havia concentração desde às 8h. Em Maceió, movimentos sociais na Praça da Faculdade, no Prado, se juntaram ao grupo que estava no centro, e saíram em caminhada em direção à Avenida da Praia. Alguns seguram cartazes pedindo a saída do presidente, outros seguram bandeiras do MST e de sindicatos.

Em Juazeiro do Norte (CE), manifestantes fazem caminhada pela Avenida Ailton Gomes, no centro. A concentração começou cedo, às  7h30, mas a passeata só começou por volta das 9h. Eles marcham com instrumentos de som e aos gritos de “Fora, Temer”.

Em Curitiba, capital paranaense, a manifestação contra o governo está prevista para às 15h, na praça 19 de Dezembro, no centro. Na parte da manhã, o MST e outros movimentos sociais participaram do Grito dos Excluídos em uma igreja no Capão da Imbuia, zona leste da cidade. 

Já em Porto Alegre (RS), o MST está acampado desde a segunda-feira (5) na sede do Ministério da Fazenda. Ele participam do Grito dos Excluídos, que terá como foco a campanha “Fora, Temer”, e segue até o desfile militar do Dia da Independência.

Link curto: http://brasileiros.com.br/8Pmud

 FOTO: MÍDIA NINJA

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter