Cadastra-se para receber notícias
Bohn Gass alerta: “Governo Dilma disponibiliza mais verbas para internet pública nos municípios”

25/03/2013 06:28

Tamanho da fonte

Bohn Gass alerta: “Governo Dilma disponibiliza mais verbas para internet pública nos municípios”

Fazer com que a prefeitura possa disponibilizar internet para as Unidades Básicas de Saúde, escolas e secretarias do município e, ainda, que possam ser criados telecentros para acesso gratuito à internet pelos cidadãos é o objetivo do Projeto Cidades Digitais, do Ministério das Comunicações.

Os municípios interessados têm até o dia 5 de abril para inscrever propostas pelo site http://www.cidadedigital.mc.gov.br/.

O Projeto Cidades Digitais foi incluído no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal e terá um reforço de R$ 100 milhões no orçamento de 2013. “O Cidades Digitais faz parte do Plano Nacional de Banda Larga que busca democratizar o acesso à informatização, principalmente nos pequenos municípios brasileiros que são os mais carentes nesse quesito”, diz o deputado Elvino Bohn Gass (PT/RS). Em 2012, primeiro ano do programa, 80 cidades brasileiras já foram contempladas.

Os municípios, com até 50 mil habitantes e distantes (preferencialmente) a menos de 50 quilômetros de uma rede principal (backbone) pública de internet, podem cadastrar ações que busquem:

  • Interligar os diversos órgãos públicos da administração municipal como escolas, unidades básicas de saúde, centros esportivos, entre outros;
  • Criar espaços públicos de acesso a internet seja por meio de telecentros ou com a disponibilização de sinal wi-fi em locais públicos, como praças;
  • Qualificar a gestão municipal com o uso de ferramentas de gestão informatizadas e com o treinamento de servidores para o uso delas.

Os municípios que não ficam a uma distância maior de um backbone público também podem se habilitar ao programa. Nesse caso é necessário comprovar a contratação do acesso privado à internet.

“Tenho trabalhado para facilitar o acesso da população à internet, especialmente nos municípios onde predomina a economia rural. A informatização é um passo decisivos para o desenvolvimento econômico local, para a manutenção do jovem no campo e para a qualificação da produção”, resume Bohn Gass.

 

Compartilhe:

  • Facebook
  • Share on Twitter